(81) 99751-0883

NO AR

Despertando Gerações

Com Romilson Fernando

Grande Recife

Professores da UFPE Iniciam Greve em Busca de Melhores Condições Salariais e de Trabalho

Um documento protocolado pela Adufepe, que reforça as preocupações da categoria e oficializa o início do movimento, será entregue ainda nesta manhã ao Reitor da Universidade

Publicada em 22/04/24 às 12:06h - 776 visualizações

por Portal Amparo


Compartilhe
 

Link da Notícia:

Professores da UFPE iniciam greve da categoria nesta segunda-feira (22)  (Foto: Ketheryne Mariz/Adufepe)
Na manhã desta segunda-feira (22), docentes da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) deram início a um movimento grevista, reivindicando melhorias nas condições salariais e de trabalho. O dia começou com um café da manhã e panfletagem para os professores, na entrada do Campus Recife, na Cidade Universitária.

Convocação e Mobilização pela Adufepe

A presidenta da Associação dos Docentes da UFPE (Adufepe), professora Teresa Lopes, convocou os colegas a se unirem ao movimento, enfatizando a importância da participação de todos. A mobilização foi intensa, com os docentes demonstrando apoio à causa e unidade em busca de seus direitos.

Carta Aberta e Protocolo de Greve

Os docentes seguiram a agenda de atividades programadas para o dia, levando uma Carta Aberta para a Reitoria da UFPE, elaborada pelo Comando Local de Greve (CLG), que reitera as demandas e reivindicações da categoria. Além disso, a Adufepe protocolou um ofício formal informando a deflagração da greve a partir do dia 22 de abril, simbolizando o início do movimento grevista na universidade.

Mobilização e Planejamento Futuro

Durante o dia, está prevista uma reunião do Comando Local de Greve na sede do sindicato, às 14h, para definir os próximos passos da mobilização e eleger o delegado que representará a UFPE no Comando Nacional de Greve.

Motivação e Justificativa da Greve

A greve foi deflagrada como resposta ao forte arrocho salarial enfrentado pelo funcionalismo público federal, que tem impactado diretamente os professores do ensino superior. As perdas salariais acumuladas desde 2010 são expressivas, totalizando quase 40%, o que tem gerado insatisfação e mobilização por parte da categoria.

Contrapropostas e Negociações

Apesar das reivindicações apresentadas pela categoria, as negociações com o governo não avançaram conforme o esperado. A proposta de reajuste salarial de 0% para 2024, apresentada pelo governo, foi motivo de insatisfação e levou à deflagração da greve. A categoria apresentou uma contraproposta de 22,71%, parcelados em três anos, mas não obteve resposta satisfatória por parte do governo.

Diálogo e Reconhecimento Institucional

A gestão da UFPE emitiu uma nota oficial reconhecendo a legitimidade das pautas apresentadas pelos docentes e respeitando a decisão democrática do sindicato em deflagrar a greve. A universidade se colocou à disposição para o diálogo com o Comando Local de Greve, demonstrando compromisso com a resolução das demandas apresentadas.

Atuação da Ouvidoria durante a Greve

Para garantir o suporte aos docentes durante o período de greve, a Adufepe criou uma ouvidoria para receber denúncias e sugestões dos professores. Esta iniciativa visa assegurar que os direitos dos grevistas sejam respeitados e evitar possíveis pressões ou assédios.

Continuidade da Mobilização

A mobilização dos docentes da UFPE é um reflexo da busca por melhores condições de trabalho e valorização profissional. A greve representa um instrumento legítimo de luta coletiva, visando a garantia dos direitos e a qualidade do ensino superior no país.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Enquete
Qual dessas Redes Sociais voce acessa?

 Facebook
 Instagram
 Twitter
 Youtube







.

LIGUE E PARTICIPE

(81)99751-0883

Visitas: 115825
Usuários Online: 34
Copyright (c) 2024 - Portal Amparo - Associação Comunitária de Comunicação, Cultura e Meio ambiente de Olinda - CNPJ: 02.727.860/0001-57
Converse conosco pelo Whatsapp!